top of page

PRODUTOR RURAL: COMO GERENCIAR OS RESULTADOS POR SAFRA AO VENDER PRODUTOS AGRÍCOLAS


A forma como o produtor rural gerencia as variáveis que a ele se apresentam a cada safra são determinantes do rendimento que a lavoura poderá proporcionar. De um ano para outro, vários cenários são transformados, na economia, nas condições climáticas, nos hábitos de consumo das pessoas e em várias outras frentes — nem sempre previsíveis.

A demanda que surge a cada período, aliada a outros fatores de mercado que também influenciam na cotação dos produtos, como a oferta em dado momento ou as restrições que a economia pode impor ao mercado, formam um conjunto de fatores que deve ser compreendido de maneira clara e objetiva com a mesma clareza que o agricultor entende as variações do clima e do tempo.

É neste momento que um software de gestão integrado (ERP) específico para o agronegócio , que é capaz de gerenciar todas aquelas variáveis que a agricultura inclui, pode significar o sucesso do empreendimento. Veja como gerenciar melhor seus resultados por safra:


Braço direito no gerenciamento da venda de produtos agrícolas

A lucratividade do agronegócio pode ser maior ou menor de acordo com o nível de sensibilidade do produtor rural para entender qual o momento mais adequado para vender a produção. É fato que essa sensibilidade está relacionada com a experiência do agricultor, com a qualidade da informação sobre o mercado que ele possui e com a capacidade de perceber oportunidades. Contudo, em um mercado cada vez mais competitivo e ágil, todos esses fatores precisam ser apoiados por um sistema de gestão eficiente. É nesse ponto que um bom ERP entra como um diferencial, que pode definir o sucesso do empreendimento rural.

Na comercialização dos produtos, fazer o gerenciamento dinâmico de estoques, de custos e de compras, a gestão de vendas, incluindo das comissões de vendedores, e do faturamento são fundamentais. Para as tomadas de decisões estratégicas, o suporte de painéis com indicadores que permitam uma visão panorâmica do negócio também ajuda a garantir o lucro na hora da venda dos produtos agrícolas.


Necessidade de suporte em todas as etapas, da produção à comercialização

O agronegócio não se sustenta apenas por safras excelentes, que sejam vendidas no momento certo pelo melhor preço. Existem inúmeras outras etapas que deve ser cuidada, desde a aquisição de insumos e do plantio, passando pelas aplicações de fertilizantes e defensivos até o momento final, de recebimento das vendas realizadas. Portanto, o ERP adequado ao produtor rural deve também incluir ferramentas que sejam capazes de dar suporte consistente em todas elas.


Controlando receitas e despesas

Do ponto de vista financeiro, o software deve permitir a realização do gerenciamento de despesas e de receitas, fazer conciliações, controlar saldos bancários, cheques, fazer o fluxo de caixa e manter uma agenda financeira bastante organizada, além de outras funções.

A fim de gerenciar o relacionamento, um bom sistema de controle de fazenda deve incluir, ainda, um módulo de gestão que mantenha domínio completo sobre todas as operações e que possam ser visualizadas por meio de relatórios dinâmicos de todas as movimentações, auxiliando por meio de um painel (dashboard) as tomadas de decisões.

Ainda tem dúvidas sobre o assunto? Já usa alguma boa prática para gerenciar seus resultados? Deixe um comentário e compartilhe conosco sua experiência!


COMPARTILHE

Σχόλια


bottom of page