top of page

SAFRA 2023/2024: COMO PLANEJAR AS ATIVIDADES PARA DIMINUIR OS CUSTOS E MELHORAR OS RESULTADOS


O agronegócio é um setor importante da economia brasileira, responsável por gerar empregos, renda e alimentos para o país. No entanto, os produtores rurais enfrentam diversos desafios, como o aumento dos custos de produção e a concorrência internacional.

Para enfrentar esses desafios e garantir a sustentabilidade do setor, é fundamental planejar as atividades de forma eficiente. Um bom planejamento permite aos produtores rurais identificar oportunidades de redução de custos e melhoria dos resultados.

O planejamento está diretamente relacionado com redução de custos e economia, e é uma etapa primordial que deve anteceder qualquer ação. No agronegócio existe uma diversidade de parâmetros que devemos levar em conta ao planejarmos uma safra, e no post de hoje listamos os mais importantes. Confira.


Como iniciar um planejamento de safra?

Como em qualquer planejamento, devemos iniciar com a descrição do objetivo central, seja ele uma meta quantitativa ou qualitativa. Aumento da receita ou lucro, de volume de produção, melhor rendimento, abertura de novos mercados são alguns exemplos que podem nortear o planejamento de uma safra. Em muitos casos no agronegócio, o principal objetivo do planejamento é estabelecer um cronograma de atividades para que o produtor possa realizar o plantio de forma eficiente e segura.

No atual cenário, também é importante ser ágil e a assertivo nas medidas tomadas, portanto, planejamento coordenado, constantemente monitorado, deve ser a base da tomada de decisão.

Lembrando que o produtor, que é o principal conhecedor de sua propriedade e características, deve ser a peça central no desenvolvimento do planejamento da safra. Uma boa estratégia para iniciá-lo é desenhar todos os processos envolvidos: desde a preparação da terra até a venda final da safra, neste cenário montar as grades de pulverização, fertirrigação e outras é fundamental. Com a maior quantidade de riqueza de detalhes de cada etapa, melhor será o planejamento e mais resguardado de eventualidades o produtor estará. Descrever as tarefas e fatores, como pessoas envolvidas, insumos agrícolas e custo, é uma das estratégias para elencar e fundamentar o seu planejamento.

Após ter o mapeamento de todo o processo, o produtor saberá tudo o que é preciso para atingir o objetivo durante o período da safra. Nesta etapa, é importante sequenciar as atividades de forma lógica e correta a fim de prevenir eventuais riscos e evitar o retrabalho, que é uma das principais causas de aumento de custo de produção.

Diante do planejamento, o produtor pode visualizar as tarefas críticas e mais caras de seu processo e ter dados mais precisos para sua tomada de decisão. Por exemplo, quando temos todo o mapeamento das atividades da safra e seus custos, é possível investir em sementes de maior qualidade ou investir em adubação.

Dentre os parâmetros que podemos controlar para reduzir as despesas durante a safra destacam-se alguns.


Insumos agrícolas

É preciso alinhar quantidade das insumos agrícolas com o objetivo central da safra e estimar possíveis materiais extras em caso de eventualidades. Com isso, podem-se estimar os custos com estas disponibilidades e adequar uma estratégia mais adequada para investimentos. Importante já prever se inicia com chuva, finaliza com chuva, ou seja, tratar as variáveis já identificadas.


Equipamentos

Cálculo de rendimento, produtividade, retorno do investimento no ativo entre outros são algumas métricas que podem ser adotadas para avaliar seus equipamentos. Tendo dados quantitativos desta natureza, o produtor consegue simular se vale a pena ou não investir em novos equipamentos, por exemplo.


Mão de obra

É necessário aumentar número de colaboradores? Os mesmos colaboradores podem realizar mais de uma tarefa dentro do cronograma da safra? De qual região são os trabalhadores atuais? Qual o histórico de produtividade deste perfil de equipe? É importante fazer o cálculo de todo o pessoal necessário para realização das tarefas e quanto isso compromete o seu orçamento.

Em suma, o planejamento das atividades de uma safra corrobora e maximiza a economia de tempo e dinheiro, gerando maiores lucros e produtos com mais qualidade.

Conheça o aGrow, um software voltado para o agronegócio e que lhe ajuda na gestão dos processos, garantindo confiabilidade nos dados coletados e maior segurança para a tomada de decisões.


COMPARTILHE

Comentarios


bottom of page